As mães precisam de tempo para cuidar de si

Esta semana partilhei nas redes sociais uma imagem que retratava as diferenças entre mulheres e homens no que respeita às preocupações ou responsabilidades na rotina familiar. Escrevi um texto sobre o meu caso pessoal e recebi inúmeras mensagens com as mais diversas opiniões mas que em última análise revelam que na sua esmagadora maioria as mulheres têm uma maior fatia na sobrecarga diária com rotinas familiares do que os homens, e acabam por adiar o tempo para cuidar de si. Atenção a isto! O Autocuidado é essencial! As mães precisam de tempo para cuidar de si!

É fácil deixarmos-nos envolver na rotina e esquecermos que também temos necessidades. Há sempre coisas para fazer, para decidir, para planear, para arrumar, para limpar, para programar e muitas outras palavras acabadas em “ar”. Porém, se não estivermos bem isso vai-se reflectir em tudo na nossa vida. Mais vale parar e tratarmos de nós do que chegar ao limite e sermos forçadas a parar por motivos de saúde!

Se és uma mãe como eu, vais ter sempre a tendência de adiar tudo o que é apenas para ti. Pensas sempre que depois vais fazer, depois vais parar, depois vais conseguir. Mas… é sempre depois!

É importante começar um compromisso connosco mesmas de nos pormos em primeiro lugar. Se é fácil? Não! Não é! Mas se fizermos um pequenino esforço, mesmo que aos poucos, vamos conseguir!

Queres testar se precisas de trabalhar melhor o autocuidado e começar pôr em prática a máxima “as mães precisam de tempo para cuidar de si”?

Partilho um teste que fiz no âmbito de uma masterclass a que assisti. Pega num papel e numa caneta e aponta as respostas às questões abaixo:

1 – Costumas esperar até estar exausta para parares de trabalhar?
2 – Tens dificuldade em estabelecer os teus limites pessoais?
3 – Quando perdes tempo ficas zangada contigo própria?
4 – As tuas relações interpessoais costumam ser conflituosas?
5 – Quando cometes um erro ficas a sentir-te extremamente culpada?
6 – Dizes que vais começar a fazer uma actividade física, mas adias o início?
7 – Sentes-te irritada frequentemente?
8 – Tens dificuldade em dizer o que realmente pensas?
9 – Esqueces-te de comer comida saudável e nutritiva, e em vez disso recorres a “fast food” à última da hora?
10 – Dizes frequentemente a ti própria que não és boa o suficiente?
11 – Gastas a maior parte do teu tempo livre a ver TV ou nas redes sociais?
12 – Tens dificuldade em estar tranquila e relaxada?
13 – Tens maus hábitos de sono?
14 – Dizem-te com frequência que és muito stressada?

15 – Tens dificuldade em perdoar-te?
16 – Dizes “não” com facilidade?
17 – Dizes frequentemente a ti própria que há algo de errado com o teu corpo?
18 – Sentes-te insatisfeita profissionalmente?
19 – Quando pensas no futuro, não é claro a direcção que vais seguir?
20 – Tens dificuldade em dizer coisas boas e positivas sobre ti?
21 – Tens dificuldade em reconhecer as tuas necessidades e falar sobre elas?
22 – Tens dificuldade em criar momentos de prazer na tua vida?
23 – Tens dificuldade em pedir ajuda?

Resultados:

Soma as respostas que colocaste, e vê em que escala te encontras

Sim – 0 Pontos
Às Vezes – 1 Ponto
Não – Soma 2 Pontos

Significado dos resultados:

0 – 15
Ups, parece que pões tanta atenção nos outros e no exterior que te  esqueceste completamente como cuidar de ti. É muito importante que comeces a entender o verdadeiro valor de cuidares de ti. Só quando estás nutrida de ti mesma, poderás ser feliz, e cuidar também dos que estão
à tua volta. Chegou a altura de começares a tomar verdadeiramente conta de ti!

16 – 31
Boa! Tu sabes que é importante cuidares de ti e respeitares-te, mas ainda lutas com alguns sentimentos de culpa por quereres ser quem realmente és. Apesar de reconheceres os teus limites e necessidades ainda tens dificuldades em marcar a tua posição. Continua o bom trabalho!

32 – 46
Parabéns! Tu sabes quem és, e do que necessitas para estar bem. Sabes que és merecedora de bem-estar e felicidade, e que isso só vem por cuidares de ti diariamente, ao estares atenta às tuas necessidades. Procuras viver uma vida integra, alinhada com quem és e com os teus valores.

E então? Surpreendida com os resultados? Afinal em que ponto estás? Precisas ou não de parar?

Lembra-te sempre do titulo que escolhi para este texto: Autocuidado: As mães precisam de tempo para cuidar de si, e faz por incluir tempo de autocuidado na tua rotina. Achas que vais ser capaz sozinha ou queres que partilhe dicas que te ajudem a conseguir atingir este objectivo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *